O salvador e seu próximo (por Paulo Brabo)

Qual dos dois fez a vontade do pai? Mateus 21:31 “Certo salvador, depois de sua ressurreição, descia de Jerusalém quando veio a cair em mãos de salteadores, que queriam roubar-lhe tudo, causar-lhe muitos ferimentos e deixá-lo como morto. Escapando deles, o salvador tomou uma vereda próxima que levava secretamente ao Paraíso, mas seu testamento caiu … Mais O salvador e seu próximo (por Paulo Brabo)

Sobram-me exclamações

Por que sigo escrevendo se me faltam interrogações? Misturo sentimentos desconexos. Tropeço em virgulas demais, quando só queria encontrar o fluir de um texto bem escrito. Ando por parágrafos que mais parecem um labirinto cheio de aspas, exclamações, hifens e pontos finais. Só que me faltam interrogações. Não que eu tenha deixado de questionar, mas as confusões … Mais Sobram-me exclamações

Carta Engarrafada

“Caro leitor de papeis em garrafas, Dia desses encontrei uma fadinha nada modesta, pedi um feitiço e ela me cobrou os olhos da cara. Tentei negociar meus braços, pernas, o nariz, o queixo, minha mãe mas ela estava irredutível. Dizia que para o tipo de feitiço que eu queria o único pagamento aceitável era meu … Mais Carta Engarrafada

Carta de um assassino

Carta encontrada no leito vazio de um hospital. Se você tiver a oportunidade de matar alguém, não o faça. Não pelo motivo óbvio de que não é certo fazê-lo, mas pelas consequências que este ato causará na pessoa que o comete. A morte encerra a vida de quem é assassinado, porém os fantasmas perseguem eternamente … Mais Carta de um assassino