Arpreendo

Arpreendo

Descubro-me e aprendo mais sobre mim, e enquanto o faço arrependo-me de inúmeras (in)decisões que tomei em meu passado. A perda de amigos, oportunidades, ideias e vontades que ficaram no tempo, e que por algum motivo criam um universo paralelo de vidas que eu poderia ter vivido. Variações de mim mesmo que só existem na minha imaginação e perdem-se como o vento. Até poderia viver tais variações da minha própria história, mas para tal eu precisaria me resguardar para escrever livros que tratariam do que nunca vivi, ou seja, seriam histórias dos meus arrependimentos. Porém, os mesmos motivos que me causam dores, também me proporcionam alegrias. Se não fossem tais caminhos tomados eu não estaria vivenciando minha vida atual, em que ao invés de me arrepender do que não vivi, eu aprendo diariamente. E qual não é minha surpresa ao descobrir que posso fazer da minha própria vida uma experiência que supere qualquer variação imaginária. Para tal, jogo meus arrependimentos ao vento e aprendo a reescrever minha própria história.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s